Melhores alimentos para diabéticos

A alimentação pode influenciar de forma positiva ou negativa na saúde de uma pessoa e, quando se tem determinadas doenças, esse é um ponto que merece ainda mais atenção.

Não adianta apenas ter o melhor plano de saúde para tratar a doença e contar com bons especialistas. Quem sofre com a diabetes deve ter cuidado com o que ingere para não agravar ainda mais o problema, por isso veja quais são os melhores alimentos para diabéticos.alimentos para diabetes

Alimentos para Diabéticos:

Maçã

Além de possuir fibras e nutrientes, a maçã tem alta concentração de pectina, que ajuda no controle da glicemia. Se ele for consumida cozida e com canela, os benefícios são ainda maiores, sem falar que a sensação de saciedade será prolongada.

Amêndoas

Quando os níveis de glicose estão muito elevados é normal que o paciente perca nutrientes, entre eles o magnésio. As amêndoas possuem uma alta concentração de magnésio, que pode ser bastante útil nessa reposição. Sem falar que quem não possui a doença também pode consumi-la, só que nesse caso ajudará na prevenção da diabetes tipo 2.

Abacate

Essa fruta tem uma gordura boa, que ajuda na elevação do colesterol bom. Para quem tem diabetes, ela vai ajudar a absorver os alimentos de forma mais lenta, evitando que se tenha picos de glicemia, principalmente após as refeições.

Aveia

É bastante indicada para quem tem diabetes do tipo 2, por conta da sua alta concentração de fibras. Contribui para que a glicose seja absorvida de forma lenta e também ajuda no controle da absorção do colesterol. O ideal é que seja consumida sem esquentar.

Feijão

Ele é rico em proteínas e fibras, fazendo com que a absorção da glicose seja mais lenta. Porém, não se deve consumir grandes doses do alimentos porque, em excesso, o amido presente nele pode se transformar em açúcar.

Batata yacon

Apesar das demais batatas não serem muito indicadas, essa pode trazer benefícios. Ela possui o carboidrato frutooligossacárico¹, que funciona de forma parecida com a das fibras, fazendo com que sua absorção seja lenta, evitando a elevação da glicose.

Salmão

O salmão é apenas um dos peixes indicados para quem tem diabetes porque é rico em ômega 3. Ele faz com que haja o aumento do ácido graxo nas células, melhorando a sensibilidade a insulina. Outro fator positivo é que o hormônio adiponectina² tem seus níveis aumentados, ajudando a regular o açúcar no sangue.

Iogurte e leite integral

Esses alimentos com pouco gorduras e ricos em cálcio ajudam no combate à obesidade, o que pode ocasionar o aparecimento da diabetes. Sem falar que ales ajudam no fortalecimento dos ossos e dentes, além de ser uma fonte de vitamina D.

Tomate

O tomate possui muitos nutrientes, como ferro e vitaminas E e C. Ele pode ser consumido in natura ou cozido, já que nesse casos não perde as suas propriedades. Outros pontos positivos são os seus antioxidantes, que ajudam na regeneração das células.

Arroz integral

Apesar de ter carboidratos, esses são absorvidos de forma lenta pelo organismo, o que faz com que a glicose também seja liberada em pequenas quantidades. O arroz branco também pode ser consumido, porém o integral, por ter mais fibras, acaba sendo mais indicado.

Conclusão

Além desses alimentos há outros alimentos também saudáveis e próprios para consumo para quem tem diabetes. Faça um acompanhamento com um profissional da saúde para direcionar corretamente tanto alimentação como medicação. Se tiver um plano de saúde, lembre-se de escolher o especialista que mais lhe agrada. Caso não possa contar com essa vantagem, procure o posto de saúde mais próximo para marcar uma consulta.

Artigo Guest Post cedido por: Jeniffer Elaina

Leia também no Guia Saudável: Hábitos simples que ajudam no controle da Diabetes

1- Frutooligossacárico – Os probióticos frutooligossacarídeos são polímeros naturais de frutose que usualmente são encontrados ligados a uma molécula inicial de glicose. Tem como principais funções intensificar o crescimento da flora intestinal (bifidobactérias), aliviar a constipação, melhorar os lipídios sanguíneos e suprimir a produção de substâncias putrefativas.

2- Adiponectina  – É um hormônio proteico que modula vários processos metabólicos, incluindo a regulação da glicemia e o catabolismo de ácidos graxos.

 

Deixe seu comentário